• Da redação

Tradicional festa julina da Escola São Paulo agita o domingo em Holambra


Festa foi recheada de atrações e atraiu participantes de diversas localidades


A Escola São Paulo realizou no domingo, 2 de julho, mais uma edição de sua tradicional festa julina, que teve início às 11h e aconteceu na sede da própria escola, contando com a colaboração não só dos professores e administradores como também com os pais e os alunos para sua decoração. Os alunos, desde o ensino infantil até o ensino médio, juntamente com os seus familiares, também ajudaram a decorar o espaço.

Os alunos do infantil ficaram responsáveis pelo convite e pelo painel decorativo da festa. A coordenadora do Ensino Infantil, Marcia Godoy, em entrevista ao site do Jornal da Cidade, destacou a colaboração dos pais e citou um dos objetivos da festa, além de proporcionar alegria e diversão aos alunos e demais presentes.

“Toda a decoração foi feita de forma voluntária. Ontem, muitos pais estiveram aqui, ajudando nos preparativos. Todo ano o trabalho nas barracas é realizado através do pais e de voluntários. Cada ano possuímos um objetivo específico em relação ao lucro obtido e este ano ele será voltado para a alteração no parquinho.Eu estou há 30 anos na escola, dei aulas durante 15 anos e a outra metade assumi a coordenação da educação infantil. A escola tem 68 anos. Cada ano trabalhamos com temas diferentes para cada turma desenvolver um trabalho."


Os alunos do ensino fundamental, sob orientação da Professora de Artes, Fran, inspirados em uma das obras de Keith Haring, desenvolveram painéis que, em linhas contínuas, formavam diversos corpos em movimento, decorando a quadra da escola.


Já os alunos do ensino médio criaram a decoração da famosa Casa de Chá, onde foi possível encontrar diversos quitutes como bolos e tortas, típicos da culinária julina, além de café e chá.


Na parte de alimentação a escola também não deixou a desejar e os convidados puderam aproveitar diversos tipos de comida, desde as típicas até as tradicionais. Já no entretenimento, a famosa pescaria e o bingo estavam presentes, além de um leilão com objetos doados pelos próprios pais.

A festa também foi marcada pelas danças convencionais desta época festiva. Todos os alunos, desde o infantil até o ensino médio, apresentaram uma coreografia diferente. Os convidados também tiveram a oportunidade de assistir a uma quadrilha organizada e apresentada por um grupo de pais.

A festividade Julina da escola, que possui uma grande tradição e já é realizada há anos, tem por sua principal característica reforçar a união entre os administradores, pais, alunos e voluntários para organizar e fazer com que o público sinta-se acolhido.

"O que me encanta é ver esta união entre todos os colaboradores para que a festa ocorra e quantas pessoas se dedicam ao voluntariado para realizar o evento. Acredito que isso seja essencial para que dias como este aconteçam" , disse Olívia Hansen, uma das voluntárias da Barraca das Flores presente no evento.

Confira abaixo as fotos do evento:

#EscolaSãoPaulo #FestaJulina #Voluntariado #Confraternização #Tradição #AlunosePais

4 visualizações