• Da redação

Entulho com materiais perfurantes gera reclamação de usuários das estradas rurais


A reportagem "Consab destina mais de 380 caçambas de entulho a estradas rurais de Holambra", publicada no dia 21 de agosto, repercutiu entre moradores da zona rural. Motoristas que trafegam diariamente pela estrada municipal do bairro Pedra Grande (HBR-167) reclamam de prejuízos materiais e transtornos causados por pregos e pedaços de vergalhões de ferro misturados ao entulho utilizado na manutenção da estrada. Esse material, alegam, tem furado os pneus dos veículos que por ali trafegam.


Foto feita por um dos usuários que reclamam de prejuízos provocados pelos materiais perfurantes encontrados em meio ao entulho utilizado para manutenção nas estradas rurais de Holambra

Conforme o site JC Holambra revelou na reportagem anterior, a Prefeitura vem reutilizando parte do material produzido pelo serviço de britagem oferecido pelo Consórcio Intermunicipal na Área de Saneamento Ambiental (Consab), na melhoria de vicinais não pavimentadas do município, como é o caso da HBR-311, no bairro Fundão. O consórcio é presidido pelo prefeito de Holambra, Fernando Fiori de Godoy

Amanda de Bruin utiliza a vicinal HBR-167 diariamente e reclama que já teve pneus furados por pregos que estavam misturados ao entulho. "Não sou contra arrumar a estrada, principalmente depois das chuvas, mas depois que colocaram esse entulho na estrada que vai pra Pedra Grande tive dois pneus rasgados e perdidos no mesmo mês, enquanto o carro da minha mãe vai pro borracheiro praticamente toda semana. Se isso é redução de custo pra prefeitura, o que é para nós, moradores, que temos que nos virar pra pagar pneu atrás de pneu?", questiona. 

Essa mesma reclamação foi feita por Geraldo de Bruin, que mora no centro de Holambra e é dono de um sítio. Para ir até sua propriedade rural ele utiliza a estrada municipal HBR-167. Bruin considera os entulhos perigosos e alega que os prejuízos pessoais que teve, somados aos de pessoas da família e de colaboradores já passam de R$ 2 mil.

"Jogar entulho limpo, sim, mas estão jogando entulho com pregos e pedaços de ferro.  Eu e meus funcionário já tivemos muito prejuízo. Este cascalho com entulho foi jogado no começo do ano e está cheio de pregos e pedaços de ferro de construção.  Estou falando da Estrada Municipal HBR-167, que passa pelo condomínio agrícola Pedra Grande. A prefeitura arrumar as estradas rurais é algo positivo, mas os proprietários e moradores ao longo desta estrada estão tendo prejuízos com pneus furados e danificados. Toda vez que a estrada fica ruim a prefeitura passa a plaina e aí começa tudo de novo. A estrada fica ótima, mas os pregos e ferros aparecem novamente. Na minha opinião não deviam usar entulho que sai das caçambas de obras em geral, mas sim outros materiais".

Procurada pelo site JC Holambra, a Prefeitura se manifestou via assessoria de imprensa com a seguinte resposta: "O departamento municipal de Serviços Públicos informa que a máquina utilizada para tritura dos resíduos de construção civil dispõe de equipamentos para remoção de materiais ferrosos durante o processo de britagem. Informa, ainda, que adota todos os cuidados necessários durante a manutenção de estradas rurais para garantir que o leito ofereça aos motoristas condições mais confortáveis e seguras de tráfego."

#EstradasRurais #Manutenção #Prejuízosmateriais #Reclamações #Holambra #Entulhos #Consab

0 visualização