• Da redação

Faxineira é vítima de furto quando trabalhava em salão de beleza no centro


A pessoa vai trabalhar, como faz a maioria das cidadãs e cidadãos honestos deste país, que ganha a vida com o suor de seu trabalho diário, e deixa a bolsa em cima do lavabo, em seu local de trabalho. Ali, ela faz a faxina rotineiramente, mas nesse dia (16/10/2017), quando volta dos fundos do estabelecimento: cadê a bolsa? Não está mais lá...


Procura daqui, procura dali e, para sua decepção, encontra a bolsa jogada no chão, do lado de fora do salão de beleza onde estava fazendo a faxina. Aí, se dá conta de que os R$ 180,00 que estavam dentro da bolsa tinham sumido. Do ladrão, ou da ladra, nenhum sinal, pois o local não possui câmeras de monitoramento que pudessem ter flagrado o crime. Isso ajudaria bastante, não é verdade?

Diante do fato consumado, restou à vítima, identificada pelas iniciais T. P. da C. S. – 61 anos, procurar a delegacia de Polícia de Holambra e registrar Boletim de Ocorrência (BO). Ao escrivão da Polícia Civil coube registrar o ocorrido e encaminhar o documento para que a devida investigação seja feita. Desse fato, fica uma lição para todos que leem esta reportagem: todo cuidado é pouco! Mesmo que seja na aparentemente pacata estância turística de Holambra.

#Furtodedinheiro #SalãodeBeleza #CentrodaCidade #Holambra #BoletimdeOcorrência #Faxineira

0 visualização