• Da redação

GMs de Holambra participam de palestra sobre como melhorar relacionamento com população e imprensa


Melhorar o relacionamento das Guardas Municipais (GMs) com a população e também com a imprensa, para que o trabalho executado seja compreendido da melhor forma possível e bem divulgado, promovendo uma melhora na integração com os moradores da cidade onde atuam. O objetivo final é contribuir na redução dos índices de criminalidade ao mínimo possível, mantendo um relacionamento marcado pelo respeito profissional entre as partes envolvidas.


Este foi o conteúdo básico da palestra ministrada no último dia 24 de novembro na sede da ACE Holambra por Emerson Araújo, professor-tutor do curso de Segurança Pública na Unopar (Universidade Norte do Paraná). A palestra gratuita é oferecida pela instituição de ensino superior a todas as corporações que a solicitam, bastando que o comando envie um ofício manifestando interesse.

No caso de Holambra, a palestra foi organizada pelo presidente do Conseg – Conselho Comunitário de Segurança – GM Paulo Roberto Rita, e reuniu GMs da Cidade das Flores e de Mogi Mirim, além do grupo de Bombeiros Voluntário e da Defesa Civil de Holambra. Especialista no assunto, Emerson Araújo tem em seu currículo ferramentas que favorecem a abordagem do tema com os GMs.

Ele é policial civil e atua na Polícia Técnica, possuindo formação em jornalismo, direito, administração de empresas e está concluindo Mestrado em Ciências Forenses. Utilizando slides e dando exemplos de sua experiência no trato com o público, o palestrante abordou a influência da comunicação interna da corporação e nas ações da GM. O conteúdo agradou aos participantes, que interagiram com muito interesse.

De acordo com Paulo Rita, receber e atender melhor a população, que busca informação e apoio é a base para que o trabalho na área de segurança pública seja bem feito. “Essa palestra é de grande valia para quem trabalha com segurança pública porque a população é nossa cliente e devemos saber como tratar as pessoas, o que inclui nossos colegas da corporação e também a imprensa”, explica o presidente do Conseg.

Na avaliação de Emerson o relacionamento com a mídia e o contato quase diário com os meios de comunicação precisa ser aprimorado. “Principalmente com a imprensa da cidade onde a GM atua, que deve ser mais valorizada, pois é ela que tem contato permanente com a corporação e pode ajudar muito a divulgar o trabalho na segurança pública. Não podemos negar a informação, como acontecia antes, e é disso que a palestra trata, do contato com a população e a imprensa”, detalha.

Conforme o especialista, a mídia cumpre o papel do chamado “quarto poder” e tem uma função importante nessa integração, nesse reconhecimento que as forças de segurança buscam, enquanto responsáveis pela manutenção da ordem e da lei. “A imprensa pode te levantar e de destruir. Então, se eu tiver um relacionamento saudável com ela, terei sempre um canal aberto para comunicar o que fazemos”, resume.

Sobre o trato com as pessoas da comunidade, seja numa abordagem durante o patrulhamento de rotina ou no atendimento no próprio local de trabalho, Emerson Araújo disse que isso vem melhorando e deve ser aprimorado, pois quando a pessoa procura uma unidade policial, seja a delegacia ou nas bases da GM e da Polícia Militar (PM), ela espera ser ouvida e bem atendida.

“Na Polícia Científica de Mogi Guaçu a chefia orienta os policiais a serem cordiais e a dar explicações sempre que necessário. Então, na Unopar temos aulas de gestão e de marketing, como se fosse uma empresa, e nessas palestras gratuitas que a Unopar promove é isso que estamos buscando: implantar uma nova mentalidade, onde a excelência no atendimento e a cordialidade para com a população, que espera muito de nós, prevaleçam”, finaliza.

Fotos: Maria Elisa Moraes/ Site JC Holambra

#PalestraGratuita #Tratocomapopulação #Respeitocomaimprensa #Unopar #PolíciaCientífica #MogiGuaçu #Holambra #CONSEG

14 visualizações0 comentário