• Da redação

Holambra participa de Mutirão Regional de Combate à Dengue


Ação será realizada no sábado, a partir das 8h, em frente ao Salão da Terceira Idade

No próximo sábado (27) Holambra participa pelo terceiro ano consecutivo do Mutirão Regional de Combate ao Aedes - ação preventiva idealizada pela EPTV Campinas, emissora afiliada da Rede Globo na região, contra a proliferação do mosquito transmissor da Dengue, Zika, Chikungunya e, possivelmente, da Febre Amarela.

A mobilização, aberta à participação de moradores voluntários, acontece a partir das 8 horas com concentração em frente ao Salão da Terceira Idade, no bairro Morada das Flores.

O lançamento da campanha aconteceu na última quarta-feira nas dependências da Prefeitura de Campinas, e contou com a presença do prefeito anfitrião Jonas Donizette, do diretor de Relações Institucionais e Eventos da EPTV, Paulo Brasileiro, e da diretora executiva da Agência Metropolitana de Campinas (Agemcamp), Ester Viana. Holambra foi representada pelo diretor municipal de Saúde, Valmir Marcelo Iglecias.


De acordo com ele, o mutirão é “uma grande oportunidade de envolver a comunidade e alertar a população para a necessidade de que cada um faça a sua parte”. “Aderimos ao projeto desde o início pois sabemos da importância do combate ao mosquito. Holambra trabalha fortemente na prevenção durante todo o ano”, disse.

O município registrou em 2017 apenas um caso de Dengue - o único de doenças transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti. Para Valmir, no entanto, o bom resultado não pode fazer com que a comunidade “baixe a guarda para o mosquito”. Segundo ele, o clima quente e a umidade, condições características do verão, são propícios para a proliferação de vetores da doença.

“A vigilância deve ser permanente. Todo morador pode e deve contribuir para assegurar a proteção da família, dos vizinhos e do seu bairro”, afirma o diretor.

Para combater o mosquito é necessário evitar o acúmulo de água parada em recipientes, manter caixas d’água vedadas e piscinas tratadas e limpas.

#holambra #saúde #Aedesaegypti

0 visualização