• Da redação

Aposentada tem sua aposentadoria furtada em Holambra



Na última segunda-feira (2), uma moradora de Holambra, de 63 anos, foi vítima de um golpe de saidinha de banco. Ao sair de sua residência, a aposentada foi abordada por um homem desconhecido, que alegou ser de outra cidade e que estava perdido em Holambra. O homem contou à aposentada que veio até a cidade para retirar o seu dinheiro que havia ganhado na Mega Sena e pediu ajuda pra ir até o banco.

Após isso, a aposentada contou que uma mulher morena se aproximou, oferecendo ajuda. O homem respondeu que se a mulher o ajudasse ele pagaria a ela uma quantia de R$ 300 mil. Foi então que a mulher, também desconhecida, e a aposentada entraram no carro do homem e foram até o Banco do Brasil, em que a aposentada já precisava ir para receber a sua aposentadoria do mês.

Quando a aposentada voltou até o carro, depois de ter sacado a sua aposentadoria, o homem pediu para ela descer e ir até o restaurante comprar uma água para ele. Neste momento, a aposentada percebeu que havia esquecido a sua carteira dentro do carro. Porém, ao voltar no lugar em que o carro estava estacionado, em frente a um restaurante, na Av. Rota dos Imigrantes, o veículo já não estava mais no local.

A aposentada teve um prejuízo de R$ 830. Além de documentos importantes, como RG, CIC, cartões de banco, cartão do SUS e cartão cidadão de Holambra furtados. A idosa registrou o caso na Polícia Civil de Holambra e contou que não se lembra do modelo e marca do automóvel.

Outra vítima de furto em Holambra, foi um vendedor, de 53 anos, que teve uma caixa com ferramentas diversas e uma bateria de trator furtadas. O boletim de ocorrência foi feito no dia 29/03. O homem contou a polícia que foi até a sua propriedade rural, onde percebeu a ausência dos objetos. Ele contou ainda que a porta da sala estava arrombada.

A Polícia Civil de Holambra segue com as investigações dos casos.


0 visualização