• Da redação

Holambra vai receber cinema itinerante movido a energia solar



Foto: Murilo Durães

A magia do cinema chega a Holambra na próxima quinta-feira, dia 24. O município vai receber o Cinesolarzinho, a versão infantil do Cinesolar - projeto de cinema itinerante que exibe filmes a partir da energia do sol. Serão realizadas duas sessões gratuitas na Rua da Amizade - a Rua Coberta - às 19h e às 20h30. A iniciativa, que faz parte das comemorações dos 70 anos de imigração dos holandeses para a cidade, é da Brazucah Produções com patrocínio da Águas de Holambra e apoio da Prefeitura.


Foto: Danilo Ramos

Em cartaz, curtas-metragens para as crianças. Além dos filmes o público vai poder conferir uma exposição com curiosidades e características que envolvem o projeto, saber sobre os princípios básicos da energia solar e ainda conhecer produtos sustentáveis e tecnologias renováveis.

A iniciativa contempla também uma oficina de cinema, que será realizada por alunos de 4º e 5º anos da Escola Municipal Jardim Flamboyant. Durante a tarde os estudantes vão receber informações sobre a produção de um filme e produzirão um curta que será apresentado a noite junto com o restante da programação.

"Pensar o futuro do Brasil é pensar em ações que impactem o imaginário infantil e que possam dialogar também com os adultos que estarão nessas atividades com seus, filhos, sobrinhos e netos”, disse a idealizadora do projeto e diretora da Brazucah Produções, Cynthia Alario. "Além de entretenimento, a programação propõe importante reflexão sobre a nossa relação com o meio ambiente e com o próprio homem, abordando desde cidadania, preconceito racial até consumo consciente”, comentou Fernando Humphrey, presidente da Águas de Holambra.

Caso chova, as sessões serão realizadas no Ginásio de Esportes que fica em frente à Rua Coberta. “Ficamos muito honrados em fazer parte de iniciativas como esta. É importantíssimo levar cultura para a nossa população e quando isso se junta ao cuidado com o meio ambiente é ainda melhor”, disse a diretora de Turismo e Cultura, Alessandra Caratti. “É fundamental ter acesso às informações sobre sustentabilidade desde cedo. Além disso a criança também é uma multiplicadora”, falou.

Cinesolar

O projeto utiliza energia limpa e renovável para exibições de filmes, unindo arte, cinema e sustentabilidade. O veículo, equipado com placas solares e um sistema conversor de energia, viaja por várias regiões para realizar sessões gratuitas. Desde o início das atividades, em 2013, foram cerca de 500, com a exibição de mais de 30 longas-metragens e 100 curtas-metragens com a temática socioambiental em 260 cidades do Brasil.

O Cinesolar é uma realização da Brazucah Produções e do Ministério da Cultura, em parceria com a Associação Cultural Simbora e a Semearte Productil, através da Lei de Incentivo à Cultura - Lei Rouanet. Conta com o patrocínio da Aegea e da Águas de Holambra, e o apoio da Surya Brasil, Academia Ecofit, GIZ, Instituto Ideal, Fundação Holandesa Doen, Solar World Cinema e Ecooar (por isso, todas as sessões têm a compensação de carbono em uma área de reflorestamento no interior de São Paulo). Tem ainda o apoio tecnológico da Sices Solar e o apoio Institucional da Mercedes Benz.


0 visualização