• Da redação

Mudança no manancial prejudica tratamento de água em Holambra



A qualidade e o aspecto da água do Lago do Holandês, um dos principais mananciais de captação de água de Holambra, foram alterados bruscamente na noite do último domingo, 24/06. A alteração prejudicou o sistema de tratamento de água do município, mas não impactou a qualidade da água potável distribuída à população.

Algum produto foi lançado irregularmente e se espalhou pelo Lago, local onde a concessionária Águas de Holambra capta água bruta para enviar a duas Estação de Tratamento de Água: ETA Tulipas e ETA Cooperativa. Ao perceber a mudança de qualidade do manancial, imediatamente técnicos da empresa iniciaram uma varredura no entorno do lago na tentativa de identificar a origem de algum descarte irregular, e ajustaram o tratamento de água, que garante a qualidade do abastecimento no município.

Segundo o coordenador da Águas de Holambra, Alan Willian Pedra, embora a água bruta estivesse alterada, não houve nenhum comprometimento na qualidade da água potável distribuída à população. “O processo de tratamento da água foi intensificado com novas dosagens de produtos químicos e diminuição do intervalo de limpeza dos filtros, de seis para a cada duas horas”, explica o engenheiro responsável pela concessionária.

Na última segunda-feira, 25/06, os processos de captação e tratamento de água continuam em funcionamento, com intensificação especial nas etapas de limpeza e filtração, assim como a investigação para descobrir o que teria provocado a mudança brusca na qualidade de água do Lago do Holandês. Além de criterioso trabalho técnico, a garantia da potabilidade da água distribuída ao município está sendo monitorada e garantida por uma série de análises, que foram intensificadas desde a noite de domingo.

Fonte: AI


3 visualizações