• Da redação

Dia do Professor em tempos de pandemia

Se antes já era difícil ensinar imagine agora, que da noite para o dia, o professor teve que tornar possível o ensino a distância.


Apesar da grande maioria dos professores utilizarem regularmente as tecnologias no dia a dia, a situação fica mais complicada quando se trata de conhecer e dominar novas ferramentas e metodologias para adaptar as aulas a um novo formato. Isso exigiu tempo e muita dedicação.

Outro grande desafio é a falta de infraestrutura necessária para aulas a distância nos lares, especialmente em se tratando de estudantes da escola pública. A falta de tempo e preparo das famílias para mediar a realização de atividades pedagógicas torna o ensino ainda mais complexo.

Existe o fato, ainda, de que os desafios não são os mesmos para alunos das diferentes faixas etárias, já que é possível adaptar recursos para atender desde a educação infantil até o ensino médio. Porém criatividade, objetividade e simplicidade são os postos-chave para esse momento, independentemente da idade dos estudantes.

O professor, depois da covid-19, assim como qualquer um de nós (inclusive os estudantes), será um profissional mais preocupado com o outro, que valoriza as relações interpessoais. A principal transformação que a crise trará está ligada ao envolvimento, engajamento e determinação para fazer e ser diferente. Quando as aulas presenciais retornarem, o professor certamente estará mais atento às estratégias diferenciadas e ao novo. Será capaz de enxergar, avaliar e aliar o interesse dos alunos aos recursos usados em sua prática pedagógica diária. Isso proporcionará mais dinâmicas para aulas, engajamento dos alunos e, consequentemente mais aprendizado.

Nas palavras do filósofo e educador Paulo Freire, o Dia dos Professores “é um convite para que todos, pais, alunos, sociedade, repensemos nossos papéis e nossas atitudes, pois com elas demonstramos o compromisso com a educação que queremos. Aos professores, fica o convite para que não descuidem de sua missão de educar, nem desanimem diante dos desafios, nem deixem de educar as pessoas para serem ‘águias’ e não apenas ‘galinhas’. Pois, se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela, tampouco, a sociedade muda”

Os professores reinventaram o ensino em 2020 e a eles prestamos todas as homenagens.

11 visualizações