• Da redação

Educação de Holambra: toda criança na sala de aula!

Além de vagas em creche, cidade conta com período integral para crianças de 4 a 10 anos



Helga Vilela

Todo pai que vai até o Departamento Municipal de Educação em busca de uma vaga para a creche pode sair de lá com a matrícula efetuada. E a procura é grande: são realizadas, em média, até quatro inscrições por semana.

Segundo a Prefeitura, a inauguração da Creche Escola Irmã Annette, no Groot, permitiu ao município zerar a espera por vagas. Porém, devido à localização das creches com disponibilidade para início imediato, muitas famílias desistem e optam por aguardar até a abertura de vaga em outra creche de sua preferência. “Mas é importante salientar que a nenhuma criança é negada vaga. Em Holambra, toda criança tem creche”, frisou o diretor de Educação, Alexandre Moreira.

O Departamento explicou que a procura por determinada creche sofre alteração ao longo do ano e exemplificou: no início do ano, a demanda era grande para as creches do Centro. Já no segundo semestre, a demanda passou a ser maior no bairro do Imigrantes.

As creches atendem crianças de quatro meses a três anos de idade e, até setembro, as seis unidades escolares que oferecem esse serviço contavam com 498 crianças nesta faixa etária.A inscrição deve ser feita quando a criança completar quatro meses de idade e este é, também, o único requisito para o atendimento: ter quatro meses completos para frequentar a creche.

Para manter o déficit zerado e como Holambra é uma cidade que recebe muitos moradores ao longo do ano, inclusive de outros Estados que vem a trabalho, o Departamento informou que está monitorando junto ao Departamento de Saúde, para fins de planejamento, a quantidade de mães que está fazendo acompanhamento pré-natal para estimar a demanda de possíveis vagas. Financeiramente, completou o Departamento, manter a fila zerada é um desafio e demanda grande planejamento. “A maioria das cidades possuem lista de espera. Holambra, por sua vez, está mantendo o compromisso de atender todos os alunos. A administração tem se empenhado nesse sentido. Abriu duas novas creches, ampliou outras existentes e seguirá fazendo os investimentos necessários para dar a assistência necessária às famílias holambrenses”.


Demanda e Período Integral

De acordo com o Sistema SED (Secretaria Escolar Digital), são registrados cerca de 13 novos alunos todos os meses nas escolas de Holambra. Com esta procura, o número de alunos atendidos (do berçário à Educação de Jovens e Adultos) saltou de 2100 estudantes no começo do ano letivo para

2359 alunos até a última semana.

Além da educação regular, Holambra tem um diferencial: oferece, para crianças de 4 a 10 anos de idade, o Período Integral que, atualmente, atende 746 alunos.

Vale ressaltar que o Período Integral não é uma exigência federal ou estadual, sendo disponibilizado em função “da preocupação da administração pública em oferecer alternativas de formação que permitam às crianças não ficarem na rua, sem ocupação adequada, uma vez que os pais trabalham durante o dia”. “Também para garantir a Meta 6 do Plano Nacional de Educação, que tem como compromisso educação de qualidade a todas as crianças”, finalizou o diretor.

33 visualizações