• Da redação

Grupo Reviver de Holambra celebra mês do idoso com programação especial

Idosos farão viagens para Mogi Guaçu, Jaguariúna e Santo Antônio de Posse



De acordo com a Fundação Seade, 9,1% da população de Holambra tem mais de 60 anos. Apesar do Dia Internacional do Idoso ter sido celebrado a última terça-feira, 1º de outubro, Holambra terá o mês todo de programação especial para os integrantes do Grupo Reviver, da Terceira Idade. Todas as atividades serão acompanhadas pela primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Diva de Souza Godoy, e têm como objetivo proporcionar momentos de lazer e bem-estar aos participantes.

Para começar as festividades, nesta quinta-feira (3)os idosos vão até Mogi Guaçu saborear um delicioso almoço preparado especialmente para eles. Na semana seguinte o grupo segue até Jaguariúna para curtir uma tarde de muita diversão com piscina e guloseimas. O já tradicional e animado baile também faz parte da programação, que conta ainda com uma visita ao grupo da Terceira Idade de Santo Antônio de Posse na última semana do mês.

“A ideia é celebrar a vida, fortalecer laços de amizade e sair da rotina”, explicou a primeira-dama. “Durante todo o ano trabalhamos para contribuir com o bem-estar e qualidade de vida dos participantes, com ações que proporcionam um envelhecimento saudável e ativo”.

Fazem parte do Grupo Reviver 125 homens e mulheres com idades entre 60 e 96 anos, que têm à disposição aulas regulares de dança, alongamento, bordado, artesanato e hidroginástica. Eles também têm a oportunidade de participar de um coral, o Coral Reviver, que conta com encontros semanais. Diversas apresentações já foram realizadas na cidade em datas comemorativas e em eventos especiais. Palestras com temas específicos para a faixa de idade dos participantes são organizadas com frequência, muitas vezes em parceria com os departamentos municipais. Há ainda a preocupação em fazer com que os idosos saibam o que acontece na cidade e para que participem do dia a dia de Holambra. Um exemplo foi a participação deles no processo de revisão do Plano Diretor do município.

Diva de Lourdes Ramos Koedooeer faz parte do grupo há 3 anos. Moradora do bairro Parque dos Ipês, ela gosta muito dos bailes promovidos no Salão da Terceira Idade. “Eu sou forrozeira”, contou. “É muito bom sentar com as amigas, contar uma história, uma piada. Não gosto de faltar nenhuma quinta-feira, me faz falta. Estar lá faz um bem danado”.

A pensionista Ana Maria de Carvalho Ferreira também não perde um encontro. “Chegou quinta-feira, eu largo tudo para ir”, conta. “Tem artesanato, tem bingo. Lá eu me sinto como uma criança”, diz ela, que mora no Centro e tem 71 anos.


Espaços para idosos em Holambra


Ao longo dos últimos anos a Prefeitura instalou Academias da Terceira Idade em diversos pontos da cidade – incluindo a Praça dos Imigrantes, Praça da Bíblia, Praça dos Ipês, Parque da Cidade, Praça Vitória Régia e Nossa Prainha. Entregou também, em 2014, uma Praça de Exercícios do Idoso, próxima ao Ginásio Municipal. Além disso, em cumprimento à legislação, todas as novas obras em andamento atendem aos padrões de acessibilidade.



77 visualizações