• Da redação

Nem só pra salada: sopa de agrião

Simples e sofisticado

Os dias de outono ainda guardam um resquício do calor do verão, mas assim que o sol se põe e a noite se anuncia com o brilho intenso das primeiras estrelas, já se sente a brusca troca de temperatura, com um vento fresco e suave, perfeito para embalar uma gostosa e repositora noite de sono.

Sou suspeita, pois amo o prato, desde a mais tenra idade e acabei estendendo este habito a toda a família, mas estas noites frescas, pedem uma sopa. Este alimento leve e completo, soa como um carinho no estômago e conduz a um merecido repouso depois de um dia de trabalho cansativo.

As opções de preparo são infinitas... assim como as texturas, misturas e sabores. A unanimidade é a sua ampla terapêutica, pois tomamos sopa desde o momento que abandonamos o leite materno e passamos a ingerir os primeiros alimentos sólidos.

Me surpreendo sempre quando ouço pessoas dizendo, que só tomam sopa quando estão doentes, ou a associam ao sabor insosso das comidas servidas em hospitais, como apreciadora que sou, considero até uma heresia esta observação.

A receita desta semana, comprova a enorme abrangência culinária do preparo da sopa, pois utiliza um ingrediente, normalmente associado ao consumo cru, mais precisamente em formato de salada, ou associado a um tradicional xarope das antigas, que já combateu muitas tosses por aí: o agrião!

O agrião é um vegetal conhecido e consumido pela humanidade há muito tempo, sendo cultivado e comercializado, praticamente no mundo todo. Com sabor único e levemente picante, este vegetal deveria fazer parte de nossa rotina familiar ao menos duas vezes por semana, ainda mais, durante estas estações mais frias, quando costumam surgir as temidas gripes, por ser um grande aliado na prevenção das doenças respiratórias.

Esta sopa simples e saborosa, pode ser preparada em pouco tempo, mas com toda certeza trará muitos benefícios a longo prazo.


INGREDIENTES:

2 Colheres de manteiga

2 Colheres sopa de azeite

1 Cebola média picada

1 Talo de aipo picado

1 ½ litro de caldo de galinha

3 Batatas cortadas em grandes dados

1 Molho grande de agrião

1 Xícara de leite frio

Noz-moscada ralada a gosto

Sal e pimenta do reino moída na hora a gosto

PREPARO:

Coloque a manteiga, o azeite, a cebola, o aipo, o sal, a pimenta e 4 colheres de sopa de água em uma panela em fogo médio. Vapor 5-6 minutos para suar os legumes sem colori-los.

Adicione o caldo e as batatas. Tempere com sal e pimenta do reino e deixe ferver.

Lave o agrião e corte as hastes mais duras para adicionar à sopa. Reserve as partes mais macias.

Reduza o fogo e cozinhe até que as batatas estejam macias, cerca de 35 minutos.

Retire a panela do fogo e adicione o leite frio e noz moscada a gosto.

Reserve 2-3 lindos ramos de agrião para enfeitar mais tarde. Pique o agrião restante e adicione à sopa, deixe ferver por 5 minutos

Desligue o fogo, aguarde esfriar um pouco e bata no liquidificador.

Reaqueça a sopa sem ferver e está pronta para servir!

Sirva guarnecido com folhas de agrião reservadas e se quiser dê mais um toque de noz moscada.

RENDIMENTO: 4 Porções!

ACOMPANHANHAMNETO: Pães, torradas, crótons, manteiga, queijos, frios....

Para beber: vinho tinto!

DICA: As batatas que dão corpo a sopa, podem ser substituídas por inhame, ou batata doce.

Para os vegetarianos, basta substituir o caldo de galinha, por caldo de legumes, ou mesmo por água!

NOTA: O agrião é conhecido dentro do mundo das pesquisas, como sendo um dos vegetais, mais nutritivos, devido a sua alta concentração de Vitamina A e C, além de conter vários sais minerais que são fundamentais, para a manutenção da saúde humana.

14 visualizações