• Da redação

Piloto de Holambra se destaca na Pole position

Perfil: Thomas Cabrera (32) conta sua trajetória, desafios e conquistas no automobilismo



Um menino apaixonado por carros. Essa era a frase que podia definir o pequeno Thomas que, como todo garoto, vivia imerso nas brincadeiras e aventuras com carrinhos. Paixão alimentada desde a tenra idade, mal saberia que se tornaria um piloto e enfrentaria na pele a emoção que almejara desde menino. Hoje,Thomas Cabrera é um dentista de Holambra que divide o amor pela profissão com a paixão pela corrida de carros.

"Tudo começou desde cedo", afirma o piloto. "Mudei com minha família pra Holambra em meados de 1997 e já consigo me lembrar de sonhar em correr", conta. Thomas recorda com pesar o dia da morte do seu grande ídolo, Ayrton Senna, ícone Mundial no esporte que fazia famílias inteiras vibrarem em frente à televisão.

Por mais que fosse seu sonho desde criança, correr não foi possível até os dezoito anos de idade. "Esse é um esporte muito caro. Para se ter uma ideia, para começar a treinar você gasta em média 3 mil e esse valor vai aumentando conforme os carros melhoram", explica Thomas. Foi por isso que o morador de Holambra precisou esperar muito tempo e guardar as economias para fazer sua primeira corrida. "Lembro da emoção de correr na pista de Interlagos pela primeira vez", conta.


Do consultório às pistas

Sem condições de se envolver totalmente com o esporte, Thomas precisou escolher outra profissão para servir como sustento. O curso de Odontologia encheu os olhos do jovem que, com esforço, conquistou sua clientela na Cidade das Flores. "Amo ser dentista e sempre busco melhorar, mas nunca esqueci a minha paixão" afirma. Isso fez com que, mesmo a passos curtos, ele conquistasse seu espaço nas pistas, até ser notado por clubes da região. "É exatamente assim, aos poucos, que a gente é reconhecido no ramo automobilístico", ressalta.

Atualmente Thomas Cabrera corre pela equipe Mi motors, de Santo André/SP, e disputará campeonatos também pela equipe ARM motors, de Jaguaquara/SP. "Fico muito feliz de contar com essas parcerias para subsidiarem minhas corridas. Sem esses clubes seria quase impossível, já que somando todos os gastos dá uns R$ 7 mil por mês", comenta. O piloto não faz por menos: galgou seu espaço na Poli position em várias corridas nos últimos tempos e foi muito bem na primeira etapa do Campeonato Paulista, que ocorreu no dia 9 e 10 de fevereiro. "Numa categoria destinada a carros clássicos/antigos (como Fusca, Puma e Gol,por exemplo) consegui largar em 1º lugar em um grid de quase 40 carros",conta. Thomas correu com o carro 84, um Gol verde com preparação para corrida e quase 200 cavalos de potência.


Entretanto, o sonho ainda não acabou. O piloto de Holambra almeja terminar o campeonato, que consiste em oito etapas, todas em Interlagos. A próxima etapa será neste fim de semana, nos dias dois e três de março. "Concomitante à isso, no dia 16 de março pretendo começar um campeonato em Piracicaba. Correrei com a ARM motors na Copa ECPA de marcas e piloto, utilizando um Corsa 96", acrescenta. O segredo para tanto sucesso? "Mesmo nos campeonatos amadores, continuar levando tudo com muita disciplina e seriedade, treinando e capitando recursos"enfatiza.

Mais do que a autopromoção, o objetivo principal de Thomas Cabrera é fazer com que o automobilismo volte a ser conhecido. O esporte, que há alguns anos estava em evidência, hoje pouco é transmitido e poucas crianças sonham em correr pelo país. "As pessoas precisam saber que tem um super autódromo em Mogi Guaçu, por exemplo, há apenas 40 km daqui", enfatiza Thomas. O universo de corridas é complexo, mas não impossível de sonhar.


"Obviamente, como todo corredor sonho em um dia chegar ao Stock car", afirma Cabrera. Entretanto, ele mesmo admite que é um caminho longo e que precisará de muito apoio e boas energias enviadas pela população que o conhece e que apoia esse sonho. "Por enquanto, meus principais objetivos são correr os dois campeonatos buscando ótimos resultados", finaliza.

Você pode acompanhar o trabalho do piloto de Holambra Thomas Cabrera pelo Instagram @thomas_cm19, ou tirar dúvidas pelo telefone (19) 99255-6040.



Por: Noemi Almeida.

350 visualizações